Iniciativa “Governo Mais Próximo” principiou em São Martinho

São Martinho foi palco na tarde de segunda-feira, 3 de Outubro, da primeira acção da iniciativa “Governo Mais Próximo”. Mais de 150 pessoas estiveram presentes nesta sessão de divulgação de apoios disponibilizados pelo Governo Regional na área social, habitação, saúde, economia e agricultura.

Em representação do Governo Regional, Rita Andrade explicou os objectivos desta iniciativa, que irá percorrer todos os concelhos da região nos próximos dois meses, com mais de 30 sessões agendadas.

“O que nos move é servir a nossa população e disponibilizar os nossos meios para chegar a quem mais necessita. Sempre com o objectivo de assegurar, cada vez mais, uma maior proximidade e de dar a conhecer os apoios específicos que o Governo Regional disponibiliza à população e que vão muito além dos disponibilizados pelo Governo da República, complementando estes mesmos apoios”, referiu a secretária regional Rita Andrade.

“É fundamental agir seguindo esta lógica de proximidade e irmos ao encontro das reais necessidades da população. Agradeço a disponibilidade do presidente da Junta de Freguesia de São Martinho, Marco Gonçalves, e da sua equipa, por nos ter recebido neste espaço”, declarou. “É através deste trabalho em rede entre governo, autarquias e instituições que conseguimos chegar mais longe”.

“Esperamos que, com o conjunto de ideias e soluções debatidas nestas reuniões, possamos identificar novas formas de actuar e de apoiar as famílias madeirenses e porto santenses. É também esse um dos objectivos desta iniciativa. Encontrarmos e propormos soluções, que correspondam às reais necessidades da nossa população”, concluiu a governante.

A iniciativa “Governo Mais Próximo” reuniu técnicos da Secretaria Regional de Inclusão Social e Cidadania, Saúde e Protecção Civil, Economia, Agricultura e Desenvolvimento Rural e Equipamentos e Infraestruturas, que tiveram a oportunidade de esclarecer quais os apoios disponíveis à população nesta fase de aumento da inflação e dos preços dos bens essenciais.

Ao longo dos próximos dois meses, estas sessões presenciais vão percorrer todos os concelhos, informando e esclarecendo a população acerca dos vários apoios disponíveis, que incluem: o Programa de Apoio à Garantia da Estabilidade Social (PROAGES), Complemento Regional para Idosos (CRI), ‘Kit Bebé’, ‘+ Visão’ (apoio à aquisição de óculos com graduação para maiores de 65, crianças e jovens), Gás Solidário, Programa de Apoio à Aquisição e ao Arrendamento de Habitação (PRAHABITAR) e Apoio ao Agricultor – MEDIDA 22.