Miguel Gouveia quer Funchal presente no Pavilhão português na Expo Mundial no Dubai

O presidente da Câmara Municipal do Funchal, Miguel Silva Gouveia, recebeu hoje nos Paços do Concelho o comissário-geral para a participação de Portugal na Exposição Mundial de 2020 (Expo 2020 Dubai), Celso Guedes de Carvalho, para uma reunião que teve como foco central a alteração da programação e a participação do Funchal no Pavilhão de Portugal nos Emirados Árabes Unidos.

De acordo com a informação camarária, Miguel Silva Gouveia referiu ter-se tratado de uma abordagem inicial entre o comissário-geral de Portugal para a Expo 2020 e a Câmara Municipal do Funchal, “para dar-nos conta da recente actualização à programação, que permite que o Município do Funchal possa estar representado neste evento que se vai realizar em 2021. A autarquia manifestou prontamente toda a disponibilidade e interesse em poder participar, relevando o que de melhor o Funchal tem para oferecer a nível económico, cultural e turístico”.

A edilidade afirma ter dado assim o pontapé de saída para um ano de 2021 que se prevê cheio de desafios, “paralelamente a esta participação, teremos dois grandes projectos estruturantes para a cidade, o primeiro na área cultural, com a apresentação da candidatura do Funchal a Capital Europeia da Cultura em 2027, e o segundo, com a conclusão das obras no antigo edifício do Matadouro do Funchal, que irá transformar aquele espaço histórico num complexo de criatividade, empreendedorismo e inovação social”.

“Estes são dois projectos que poderão ser levados ao conhecimento do mundo, num palco de excelência como é a Expo Mundial no Dubai, acompanhados por todas as valências económicas que esta cidade possui, e que são sobejamente conhecidas, nomeadamente na atracção de investimento directo estrangeiro. No fundo, temos a oportunidade de mostrar lá fora, tudo o que de bom tem vindo a ser desenvolvido pelo Município do Funchal nos últimos anos”, acrescenta o autarca.

O calendário inicial da Expo Dubai previa que o evento decorresse entre o dia 20 de Outubro de 2020 e o dia 10 de Abril de 2021. Contudo, a crise de saúde pública que o mundo atravessa e as restrições de mobilidade que a pandemia de COVID-19 provocou ditaram o adiamento da Expo 2020 Dubai, que agora deve acontecer entre o dia 1 de Outubro de 2021 e o dia 31 de Março de 2022.

O presidente conclui que “esperamos que dentro de um ano, o contexto em que vivemos de crise de saúde publica já esteja ultrapassado e que se possa desta forma, num dos mais importantes eventos internacionais, voltar a projectar o Funchal no mundo”.