Lopes da Fonseca desafia Cafôfo a pedir relação de chamadas para saber quem fala verdade

O deputado do CDS Madeira Lopes da Fonseca respondeu hoje a Paulo Cafôfo, no Parlamento, sobre a polémica da chamada telefónica que o candidato socialista lhe terá feito na noite das eleições, envolvendo uma negociação que atribuiria, ao CDS, quatro de quinze secretarias de um governo socialista. A resposta de Lopes da Fonseca provocou tensão na Assembleia.

Cafôfo desmentiu que tenha falado com Lopes da Fonseca, mas este, como disse “olhos nos olhos”, desafiou Cafôfo, hoje, em pleno Parlamento: “Não espero 24 horas para, fora deste hemiciclo, para falar à comunicação. Desafio o senhor deputado Paulo Cafôfo a pedir à sua operadora a relação das chamadas desde o dia 22 de setembro, como está lá duas chamadas, a primeira não consegui atender e a segundo falámos cinco minutos. Peça a relação das chamadas. E mais, o senhor deputado mentiu e disse que não me telefonou. E além das chamadas que me fez, fez ao atual secretário do Mar, Teófilo Cunha, ao deputado Mário Pereira. E se não tiver a coragem, permita à Assembleia verificar isso, É preciso saber qem está a mentir”.