Mais uma turista sofre entorse ao percorrer vereda na Ponta de São Lourenço e obriga a activar meios de socorro

Já parece um autêntico hábito. Decorrente, provavelmente, e pelo que nós próprios temos observado, de muitos turistas aventurarem-se a percorrer veredas e levadas da Madeira sem calçado adequado. Mais uma turista teve de ser resgatada hoje por via marítima, após ter sofrido uma entorse no tornozelo quando caminhava na vereda que conduz ao cais do Sardinha, na Ponta de São Lourenço.

E, consequentemente, mais uma vez a Capitania do Porto do Funchal teve de, em articulação com o Serviço Regional de Protecção Civil, proceder à sua recolha no dito cais do Sardinha, através duma embarcação salva-vidas, que transportou a turista, de nacionalidade francesa e 50 anos de idade, para a Quinta do Lorde, de onde uma ambulância a transportou ao Centro de Saúde de Machico.

O Comando-local da Polícia Marítima do Funchal tomou conta da ocorrência