Albuquerque promete ligação rodoviária entre o Jardim da Serra e o Curral das Freiras

O presidente do Governo Regional, Miguel Albuquerque, foi hoje inaugurar obras públicas no Jardim da Serra, no caminho agrícola das Romeiras, concelho de Câmara de Lobos.

O governante disse estar ali para cumprir “compromissos fundamentais” com a população camaralobense. “Esta é uma acessibilidade necessária (…) importante para servir as famílias (…)”, considerou.

Na ocasião, Albuquerque ironizou dizendo que os bons políticos, para sobreviverem, têm de ter as características do elefante: “uma pela grossa, uma boa memória e um comprido e inquisitivo nariz para perspectivar com a devida antecedência as facadas que sempre acontecem na política, sobretudo as facadas nas costas”.

O chefe do Executivo disse que “na sétima vez que estive aqui, fui lá acima e reuni com os residentes”, declarou. “Tenho para com esta freguesia um compromisso importantíssimo, e vou cumpri-lo, que é a concretização da via rápida entre o Estreito e o Jardim da Serra. Isto é um compromisso de honra: é uma obra de treze milhões de euros, que nós vamos concretizar ainda na vigência do meu governo”, prometeu.

Miguel Albuquerque disse ainda perspectivar outra obra muito importante, cujo projecto e cujo estudo vai ser agora iniciado: a ligação, depois, entre o Curral das Freiras e o Jardim da Serra, que considerou “uma infraestrutura essencial” para a Região.

Todos os dias, afirmou, há “milhares e milhares de turistas no Curral das Freiras”, sendo importante garantir boas ligações entre as “belíssimas” freguesias do Estreito, do Jardim da Serra, da Quinta Grande e do Curral.

“Os turistas chegam ao Curral das Freiras, e voltam para trás. Nada melhor do que passarem para este lado e usufruírem, e dinamizarem a economia do Jardim da Serra”.

Albuquerque disse que isto será feito por etapas: primeiro a ligação da via rápida ao Jardim da Serra, e depois vamos iniciar a ligação ao Curral das Freiras, algo que reconheceu como uma obra “muito cara e a exigir um planeamento financeiro” cuidado.

Com estas obras, o Jardim da Serra “começará a ter milhares de turistas por dia a passar por aqui”.