AINTRAM faz 4 mil transportes de doentes não urgentes por mês e pagamentos estão em dia, garante Pedro Ramos

Pedro Ramos AINTRAMO secretário regional da Saúde de um governo em final de mandato, esteve hoje presente na tomada de posse da Associção de Táxis da Madeira (AINTRAM). Um momento aproveitado para lembrar o acordo com duas centenas de associados que garantem o transporte de doentes não urgentes. Por mês, a AINTRAM faz cerca de 4 mil transportes e os pagamentos estão em dia, referindo que desde 2018 o SESARAM já gastou cerca de um milhão de euros, valor que que se repete relativamente a 2019.

Quanto ao balanço do Governo Regional, Pedro Ramos socorreu-se de um inquérito publicado no jornal JM, feito a 48 horas das últimas eleições regionais e abordando o setor mais problemático para este Governo de Miguel Albuquerque. Nesse inquérito em final de campanha, apontava-se que 80% dos inquiridos estavam satisfeitos com a Saúde na Madeira, suficiente para o governante garantir que essa foi a prova do sucesso da governação no setor.

“Todos os madeirenses tiveram acesso a Saúde”, garante Pedro Ramos. Quanto à disponibilidade para manter-se secretário do setor, a resposta foi esta: “Estou disponível para continuar a trabalhar na área da Saúde, sou médico”.