Tribunal decidiu: O galo Maurice pode cantar quando lhe apetecer [vídeo]

¡AF!