Verba da Especial da Avenida entregue à Associação de Paralisia Cerebral da Madeira

Rali donativo 2
As “dificuldades e as causas da APCM” levaram a organização do Rali a escolher esta instituição para receber a verba.

Já se sabia que parte da verba adquirida na venda de bilhetes para a Super Especial do Rali Vinho Madeira, na Avenida do Mar, teria fins de solidariedade. Hoje, a organização revela que foi entregue, à Associação de Paralisia Cerebral da Madeira (APCM), um cheque de 1.550€, com o presidente da Direção da APCM, José Carlos Silva, a receber esse montante das mãos de Paulo Fontes, o presidente da Comissão Organizadora do Rali.

“A maior importância que dou é o veicular da nossa causa perante a comunicação social, perante os assistentes do Rali e que realmente vão fazendo passar a nossa mensagem, as nossas necessidades e a nossa causa para toda a população em geral e não há dúvida de que o Rali Vinho da Madeira pela grande envolvência que gera é o veículo ideal para difundir a nossa causa”, salientou o responsável pela APCM, referido no site da organização.

Como referido no memso site, Paulo Fontes confessou que a intenção é “manter” este tipo de iniciativa no futuro. “O Rali continua a ser uma festa do automobilismo na Madeira, uma festa popular em que as pessoas vêm para a estrada e a Avenida do Mar continua a ser um ex-libris do Rali, em que muita gente quer assistir àquela Prova Especial de Classificação e, para assistir a esta prova, achámos que, como esta prova tem um custo financeiro muito grande para a organização, devíamos estar também a contribuir com  algumas instituições de solidariedade social”, salientou, frisando que, por conhecerem as dificuldades e as causas da APCM, consideraram por bem ser esta instituição a contemplada com este donativo. “Pensámos que esta era uma forma de dizermos que estamos presentes e que estamos no desporto a pensar também naqueles que mais necessitam”, rematou.