JPP diz querer revitalizar a frente mar da Ribeira Brava

O JPP esteve hoje na frente-mar da Ribeira Brava para denunciar “que este concelho tem estado sob uma orientação que esqueceu o mar, todo o seu potencial e que deixou toda a frente-mar num estado lastimável, de abandono e de degradação”.

O candidato do JPP à Câmara da Ribeira Brava lamentou que “a intervenção de desassoreamento tenha sido feita quase em plena época balnear”fazendo com que o Município seja “o último a arrancar com a vigilância nas praias”, mais um facto que vem comprovar como os responsáveis estão de facto “a virar as costas ao mar”.

Para contrariar esta situação, Luís Drumond revelou que o JPP tem “um projecto de revitalização, de dinamização de toda a frente-mar do concelho, que começa na Fajã dos Padres, passa pelo Calhau da Lapa, pelo cais e pela frente-mar da Ribeira Brava, até ao Lugar de Baixo, à Ribeira da Caixa”.

Referindo-se a uma frente-mar “com grande potencial”, Drumond não aceita o estado de degradação a que está votada aquela zona, exigindo por isso  “a recuperação deste cais para ter condições de segurança para os pescadores e para os turistas que visitam a Ribeira Brava, conseguindo assim um espaço dinâmico muito importante para o concelho”.