PDR manifesta solidariedade com os emigrantes e luso-descendentes na Venezuela

O presidente do Partido Democrático Republicano da Madeira, Filipe Rebelo, veio manifestar-se acerca dos últimos acontecimentos na Venezuela, declarando a solidariedade do PDR com a comunidade na Venezuela, “em especial os emigrantes e luso-descendentes, que estão a atravessar grandes dificuldades”
“Defendemos as eleições antecipadas na Venezuela, para que todos possam ter acesso à
Saúde, Educação, bens de primeira necessidade, segurança, paz e liberdade. Para que
possam viver em democracia, num país com grandes possibilidades financeiras, bem
como investimentos de uma vida, é complicado a situação que estão a viver”, refere Filipe Rebelo.
O PDR Madeira anuncia, assim, que estará presente na Concentração pela Democracia na
Venezuela junto à Assembleia Legislativa da Madeira, na próxima sexta-feira pelas
17h30, “de modo a apoiar os emigrantes e luso descendentes na sua luta, que é no fundo
uma luta de todos nós”.