Escola dos Louros dinamiza semana intercultural com parceiros do Erasmus+

Um dos encontros do programa Erasmus+ na Letónia.

A Escola Básica dos 2º e 3º Ciclos dos Louros realiza esta manhã, pelas 10h30, a cerimónia de abertura do 5º Encontro Erasmus+, no âmbito do programa europeu Life Inclusive – European Participation in Labour and Leisure for people with disabilities, destinado a pessoas com necessidades educativas especiais.

A iniciativa traz à Madeira, durante esta semana, uma comitiva de 33 alunos e docentes da Alemanha, Inglaterra, França, Letónia e Polónia.

A cerimónia de abertura contará com a presença do Diretor Regional de Educação, Marco
Gomes, assinalando oficialmente o início de um programa de atividades intercultural
que privilegia a partilha de experiências e a promoção de uma cidadania europeia
ativa.

Os participantes do projeto, nacionais e estrangeiros, e os representantes
da escola anfitriã serão recebidos ainda esta manhã, pelas 09h00, na Quinta Vigia, pelo
Presidente do Governo Regional, Miguel Albuquerque, para apresentação de
cumprimentos.

Representante nacional no programa europeu acima mencionado, a Escola Básica dos
2º e 3º Ciclos dos Louros assumirá, nos próximos dias, o papel de entidade anfitriã do
5º Encontro de intercâmbio Erasmus+, cabendo-lhe a responsabilidade de mostrar o que é uma escola inclusiva, divulgando e partilhando práticas inovadoras e
conducentes à liberdade de escolha, de oportunidades e de respeito pelo outro.

Durante os cinco dias de visita, será também apresentada à comitiva de parceiros
estrangeiros de que forma se integram, na Região Autónoma da Madeira, os jovens
com necessidades educativas especiais, após a maioridade e/ou conclusão da
escolaridade obrigatória, estando previstas para o efeito visitas a algumas instituições
que respondem a estas especificidades, como é o caso dos CAO de Santo António e Santana.

Os alunos madeirenses num dos encontros Erasmus, desta feita na Alemanha.

A deslocação dos parceiros à Região servirá também para dar a conhecer e desfrutar da beleza natural e gastronómica da ilha da Madeira. O programa da visita inclui igualmente passeios em levadas, visitas a pontos de interesse turístico e um peddy-paper que os alunos da Escola dos Louros preparam aos colegas visitantes e que será dinamizado na próxima quarta-feira, no centro do Funchal.

Até à data, já participaram em mobilidades de aprendizagem doze alunos da Escola
dos Louros, dos 6.º ao 8.º anos, de Percursos Curriculares Alternativos (PCA), com
necessidades educativas especiais.

Para além das mobilidades, que pressupõem uma deslocação ao país anfitrião, outras
atividades foram promovidas de forma abrangente na escola, no sentido de
fomentar a participação numa comunidade europeia, livre e dinâmica, desde as artes à informática, passando pelo desporto e culinária.

Para a dinamização deste encontro, a equipa da Escola dos Louros contou com o apoio da Secretaria Regional da Inclusão e Assuntos Sociais e do Club Sport Marítimo na disponibilização de transporte, e da Secretaria Regional da Economia, Turismo e Cultura na oferta de brindes promocionais da Região.