Marina do Funchal: só improvisar e remendar não resolve

marina

Rui Marote

Em Abril do próximo ano, completam-se 33 anos desde que a Marina do Funchal foi inaugurada. Na altura, o secretário que tutelava a pasta dos portos e aeroportos era o dr. Miguel de Sousa.

O construtor foi a Etermar e quem a inaugurou foi o presidente da República, Ramalho Eanes.

 

Decorridas três dezenas de anos, a manutenção deste espaço praticamente não existe. Tudo está velho… e, mesmo assim, tratando-se de uma infraestrutura marítima, muito a mesma tem resistido ao tempo.
Hoje a marina está praticamente assoreada, com os fingers em mau estado, com os acessos esburacados, com os arredores destruídos… Continua a aguardar que a APRAM, proprietária do espaço que está alugado ao Clube Naval, coloque no seu orçamento uma verba para efectuar obras de vulto.

marina

Até lá vão remendando aqui e acolá, para que turistas e residentes não caiam nas “ratoeiras” existentes.

Todos os anos procede-se ao que podemos chamar tapa-buracos. Ontem era bem patente esse tipo de iniciativa naquele espaço, com trabalhadores da empresa RP – Consultores de Engenharia nessa tarefa.

Um camião de entulho e de ferro ferrugento eram as marcas dos 33 anos. Muito tem resistido.