Centro de Saúde do Bom Jesus assoberbado com excesso de análises clínicas

centro de saúde bom jesus

O FN presenciou esta manhã uma situação de grande afluência ao Centro de Saúde do Bom Jesus, para efeito de análises clínicas. Tratava-se de pessoas que se tinham deslocado ao dito centro para fazer análises por prescrição médica, e consequentemente se encontravam em jejum, novos e velhos. Mas a verdade é que os utentes foram obrigados a esperar, em média, entre uma hora e meia a duas horas para se conseguirem, finalmente, despachar.

oi001923.jpg

Conforme apurou o nosso jornal, a segunda-feira costuma ser o dia mais complicado naqueles serviços. A boa vontade e atendimento dos funcionários é notória, mas dificilmente dão conta de tudo. O Centro de Saúde de Santo António deixou de efectuar análises, invocando falta de meios, algo que é visto por outros trabalhadores do ramo como pouco credível. Por outro lado, na senda deste acumular de trabalho no Centro de Saúde do Bom Jesus, também o Centro de Saúde de São Roque terá deixado de efectuar tantas análises quantas anteriormente fazia, reduzindo o número… e o efeito vai-se multiplicando.

oi001927.jpg oi001922.jpg

O que é certo é que “aterram” no Centro do Bom Jesus dezenas e dezenas de pessoas, inclusive vindas de freguesias distantes do centro do Funchal, e as mesmas são obrigadas a esperar de pé, pois não existem suficientes lugares sentados, e literalmente a passar fome até conseguirem cumprir o procedimento. Observámos, inclusive, quem saísse finalmente do local afectado por tonturas, dada a falta de alimento. A piorar a situação, funcionários do Centro de Saúde do Bom Jesus atrasaram-se hoje devido a um acidente que empatou o trânsito na via rápida. As circunstâncias acumularam-se para que fosse uma manhã difícil. O esforço dos profissionais de saúde é de assinalar, a insuficiência de meios para dar vazão em tempo útil a todos os utentes, que são encaminhados para este Centro de Saúde por outras unidades do Serviço Regional de Saúde, é também notória.