Governo desiste de expropriar parcelas para o pavilhão e piscina do Estreito de Câmara de Lobos

ESTREITOO Conselho do Governo reunido em plenário em 12 de maio de 2016 resolveu desistir da expropriação, na totalidade, de seis parcelas (n.ºs 14, 15A, 15B, 3/26B, 3/26C e 3/26D) e, parcialmente, de duas parcelas (19/1, 19/2) referentes à “Obra de Construção do Pavilhão Gimnodesportivo e Piscina Anexa à Escola Básica do Estreito de Câmara de Lobos”.

Em relação a duas outras parcelas (5 e 27), já registadas em nome da Região, o Governo dá aos antigos proprietários o direito de reversão.

A resolução foi hoje publicada no JORAM.

“Face às disponibilidades financeiras e às prioridades definidas, em virtude da alteração do projeto inicial, a execução da referida obra não será concretizada nos moldes em que estava planeado”, revela a resolução.