PSD não aceita “ingerências” de Ireneu Barreto em matéria de saúde

assembleia-joao-paulo-marques
João Paulo Marques voltou a defender o diploma devolvido por Ireneu Barreto.

A Assembleia Legislativa da Madeira (ALM) reapreciou hoje um diploma devolvido pelo Representante da República sobre os direitos dos utentes do sistema regional de saúde.

Ireneu Barreto tinha suscitado dúvidas sobre se o erário deve suportar os encargos quando os serviços públicos dão resposta aos utentes mas estes, ainda assim, optam por recorrer a serviços de saúde fora da Região.

O deputado do PSD João Paulo Marques voltou a defender o diploma nos seus precisos termos não aceitando “ingerências”.

O parlamento discutiu ainda a proposta governativa de criação do Instituto de Qualificação que resulta da fusão da Direcção Regional de Qualificação Profissional e da Escola Profissional de São Martinho ‘Francisco Fernandes’.

O diploma foi defendido em plenário pelo secretário regional da Educação, Jorge Carvalho.

No período antes da ordem do dia, o deputado do PSD, Rómulo Coelho fez um balanço do ano de 2015 elogiando o governo regional do PSD -partido que tem “os melhores quafros”- e criticando o governo nacional de António Costa.