PS critica situação da frota pesqueira e diz que GR perdeu oportunidades de a renovar

Os deputados do PS estiveram ontem em Câmara de Lobos para “denunciar as oportunidades perdidas pelo Governo Regional para a renovação da frota pesqueira”.

O presidente do PS-Madeira, Sérgio Gonçalves, considerou na oportunidade que “por inércia do Governo, os armadores não tiveram a possibilidade de utilizar fundos comunitários para a renovação da frota pesqueira do peixe-espada preto”.

Agora que esses apoios já não existem, o Governo Regional “tenta emendar a mão”, inscrevendo no Orçamento do próximo ano 1 milhão de euros para distribuir por 23 embarcações, verba que o líder do PS considera “claramente insuficiente”.

Para além disso, “o apoio a fundo perdido é de apenas 50%, portanto muitos poucos armadores terão capacidade de se financiar nos outros 50% e conseguir efetivamente promover a renovação da frota”, insistiu.

Sérgio Gonçalves recordou uma “segunda oportunidade perdida com o PRR”, onde o Governo teve quase 600 milhões de euros disponíveis para alocar a projectos prioritários, mas que a renovação da frota pesqueira não foi um desses projectos, tal como não o foram apoios aos sectores primários e produtivos e ao tecido empresarial, tendo o Governo alocado a totalidade das verbas do PRR ao investimento público.

Para Sérgio Gonçalves, isto é demonstrativo das “prioridades erradas” do Governo Regional, lamentando que as actividades como o sector da pesca, que tanta importância tem para Câmara de Lobos e para os cerca de 250 pescadores e armadores, sofram com essa falta de estratégia.