Pedro Ramos foi dar as boas-vindas a uma nova médica no Centro de Saúde da Fajã da Ovelha

O Governo Regional informou na segunda-feira que o Centro de Saúde da Fajã da Ovelha conta com uma nova médica de Medicina Geral e Familiar, Mariana Nunes.

A mesma integrou a equipa de cuidados de saúde primários no Centro de Saúde da Fajã da Ovelha, concelho da Calheta, desde o dia 13 de Agosto, um reforço que irá permitir continuar a assegurar a prestação de cuidados de saúde de proximidade à população, assegura a Secretaria da tutela.

A nova especialista em medicina geral e familiar, Mariana Nunes, que veio substituir o médico do centro de saúde local, recentemente aposentado, passou a integrar a equipa composta por 1 enfermeira, Cláudia Rafael, 1 Assistente Técnica, Graciela Sousa, e 2 Assistentes Operacionais, Mary Goncalves e Mónica Nascimento.

Esta equipa de profissionais assegura a cobertura total da prestação de cuidados de saúde primários aos mais de 700 utentes residentes na freguesia da Fajã da Ovelha, pertencente ao concelho da Calheta.

Mariana Nunes tem a seu cargo cerca de 1700 utentes (1000 utentes na Calheta e 700 utentes na Fajã da Ovelha). A par das consultas no Centro de Saúde da Fajã da Ovelha, realiza visitação domiciliária na freguesia, faz consulta no Centro de Saúde da Calheta, e faz ainda urgência no Serviço de Atendimento Urgente da Ribeira Brava.

A médica madeirense, de 31 anos, regressou à terra natal em 2014, onde realizou todo a sua formação integrada no Internato Médico. Entre 2018 e 2020 fez parte da Comissão do Internato Médico da RAM, fez estágios no Centro de Saúde do Porto da Cruz e de Santana e, quando terminou a especialidade, fez consulta de recurso no concelho de Santana.

Por já conhecer a dinâmica de trabalho nos Centros de Saúde da Zona Leste, por privilegiar o trabalho em unidades mais pequenas e por desejar sair da sua “zona de conforto”, a médica escolheu candidatar-se à vaga do Centro de Saúde da Fajã da Ovelha, refere um comunicado.

Na Fajã da Ovelha, além da população mais idosa, a jovem médica acompanha 90 crianças e, a partir de agora, irá passar a assegurar as consultas de planeamento familiar.

O secretário regional de Saúde e Proteção Civil, Pedro Ramos, e alguns dirigentes deslocaram-se ao Centro de Saúde da Fajã da Ovelha para dar as boas-vindas à medica especialista que iniciou, recentemente a sua actividade no SESARAM.