DRS diz que lote da AstraZeneca associado a reacções adversas não chegou a Portugal

A Direcção Regional de Saúde emitiu uma informação dando conta de que o lote da vacina da AstraZeneca eventualmente associado a algumas reações adversas não foi recepcionado na Região Autónoma da Madeira, nem em Portugal.

No dia 05 de Março, a Região recepcionou 8500 doses de vacinas da AstraZeneca. Desde esta data, já foram administradas cerca de 2400 vacinas, em total segurança e sem qualquer intercorrência, adianta a DRS.

“Relembramos que, conforme atestado pela Agência Europeia do Medicamento (EMA), numa nota publicada, “os benefícios da utilização da vacina contra a COVID-19 da AstraZeneca são superiores aos eventuais  riscos”, pelo que o programa de vacinação na região se mantém inalterado. Esta posição é sustentada pela Autoridade Nacional do Medicamento (Infarmed), que manteve, no dia  de hoje, as recomendações para a sua utilização em Portugal”, conclui a nota.