Estragos causados pelo mar motivam encerramento da promenade da Praia Formosa

foto de arquivo

O Passeio Marítimo Praia Formosa / Socorridos, que liga os concelhos do Funchal e de Câmara de Lobos, com mais de dois quilómetros, foi fustigado pela agitação marítima que se fez sentir na madrugada desta segunda-feira, 1 de Fevereiro, e por essa razão foi encerrado, devido aos estragos causados.

“A Sociedade Metropolitana de Desenvolvimento, após conhecimento desta situação, enviou os seus técnicos ao local para verificar os estragos e proceder ao encerramento da promenade, sendo que, além de muitos inertes ao longo de todo o passadiço, também constataram que um dos tabuleiros da promenade foi arrastado para norte, interrompendo completamente a passagem pedonal no local”, refere uma nota aos órgãos de comunicação social.

“Será, assim, efectuado um acompanhamento da evolução e avaliação dos estragos e condições de segurança do passadiço, de modo a desenvolver os procedimentos necessários à reabilitação e limpeza da promenade”, explica-se.

A promenade estará encerrada nos próximos dias, visto que as previsões meteorológicas actuais irão manter-se ao longo desta semana. Por isso, a SMD pede o cumprimento das medidas restritivas, impostas pelas autoridades responsáveis.

Fruto dos sucessivos episódios de agitação marítima nos últimos tempos, a Sociedade Metropolitana de Desenvolvimento teve de adiar as habituais manutenções de limpeza da promenade, uma vez que as condições meteorológicas não permitiam a sua concretização.