Associação OCM apresenta domingo às 18 h “O Burguês Gentil-Homem”

A Associação Orquestra Clássica da Madeira promove no próximo domingo no Teatro Municipal um concerto integrado no evento “1º Festival de Musica Antiga do Funchal “MusAntiqFest 20” tendo em palco o Funchal Baroque Ensemble, sob direcção de Giancarlo Mongelli. Neste encerramento do festival será interpretado  “O Burguês Gentil-Homem”, com texto original de Molière, e músicas originais de J.B. Lully.

A adaptação e encenação é de Ricardo Brito, a direcção musical de Giancarlo Mongelli

“Le Bourgeois Gentilhome”, fruto da parceria entre Molière & Jean-Baptiste Lully, foi apresentado pela primeira vez em 1670, há precisamente 350 anos, diante da corte do Rei Luís XIV, satirizando o alpinismo social de uma casta emergente à época, a burguesia, formada por mercadores novos-ricos que ambicionavam, através das suas posses, ascender a uma certa aristocracia.

Simultaneamente, mandava umas alfinetadas a alguma nobreza, entretanto falida, mas que ostentava os seus títulos de fidalguia. Encomendada por Luís XIV e concebida como uma comédie-ballet, a récita integral tinha a duração aproximada de três horas e meia, representada pela trupe de actores de Molière, ele mesmo assumindo o papel de Monsieur Jourdain, le bourgeois.

““O burgesso…” (perdão!) “O Burguês Gentil-Homem” resulta de um encontro entre uma trupe de actores, infinitamente mais reduzida que a de Molière, e o Funchal Baroque Ensemble. Garantidamente, o camarote real do teatro estará vazio, mas reservámos para a cena uma das suas sumptuosas cadeiras, de forma a convocar alguma nobreza para a representação. O corpo de bailado não chega, efectivamente, a sê-lo. Não tanto pelo que baila, antes pelo que não. Os figurinos são bons de ver à luz das velas, de forma a não se perceberem as suas imperfeições. O elenco fará os possíveis e os impossíveis para não dar barraca, mas os músicos soarão ao melhor espírito do barroco. Queremos provocar o riso, mas não tivemos orçamento para contratar quem pudesse sentar-se na plateia a puxar a gargalhada”, refere, bem humorada, a organização, em comunicado.

Ficha artística:

Adaptação e encenação

Ricardo Brito

Assistência de encenação

Valério Fernandes

Músicos em palco

Funchal Baroque Ensemble – Direção musical: Giancarlo Mongelli

Elenco:

Mademoiselle Cristiana Nunes

Monsieur João Paiva

Monsieur José Gregório Rojas

Mademoiselle Sara Cíntia

Este será o único evento do Festival em que será cobrado, simbolicamente, bilhete de €5,00 à venda na bilheteira do Teatro Municipal Baltazar Dias.