Horários do Funchal desmente contratação de Lino Abreu; FN reafirma que a notícia estava correcta

Lino Abreu ia ser assessor na empresa “Horários do Funchal”. Já não vai.

*Com Rui Marote

A Horários do Funchal – Transportes Públicos S.A., veio, em comunicado, desmentir as noticias vindas a público, e avançadas em  primeira mão pelo Funchal Notícias, e que davam conta da contratação de Lino Abreu para assessor do seu Conselho de Administração. “As notícias não correspondem à verdade, pelo que as desmentimos cabalmente e de forma inequívoca. A HF não tem qualquer vínculo profissional com a pessoa em questão. Salientamos ainda o facto de não termos sido ouvidos antes da publicação de qualquer uma das notícias”, diz a HF.

Pelo seu lado, o Funchal Notícias reafirma a sua certeza de que a dita nomeação de Lino Abreu ia efectivamente acontecer, tendo confirmado junto de outras fontes e, logo depois da notícia sair, mais uma vez reconfirmado por via telefónica a nomeação, em conversa com o próprio Lino Abreu.

Também outros órgãos de informação, caso do DN-Madeira, deram conta de ter confirmado esta notícia inicialmente avançada pelo FN via outras fontes.

Depois da mesma ser publicada gerou-se grande polémica, tendo Pedro Pereira, presidente da Juventude Popular, manifestado publicamente a sua veemente discordância com tal nomeação, de uma pessoa “condenada em todas as instâncias por corrupção”.