Cerdas dá prioridade a uma nova agenda económica geradora de emprego

Cerdas Visita J Nelson Abreu 16 de maio 2019Uma nova agenda económica geradora de emprego foi apontada hoje pela candidata do Partido Socialista-Madeira às eleições europeias como uma das áreas prioritárias que guiarão o seu trabalho no Parlamento Europeu.

Sara Cerdas dedicou esta manhã de campanha a uma visita à empresa J. Nelson Abreu, empresa do ramo da distribuição de produtos alimentares e de higiene, dando assim continuidade à estreita proximidade não apenas com a população, mas com as empresas e instituições dos mais variados setores.

Após a visita, a candidata lembrou o manifesto “Geração Madeira”, em que estão identificadas 10 áreas prioritárias que serão as linhas orientadoras dos trabalhos na Europa, sendo que uma delas é «uma nova agenda económica geradora de emprego». Neste âmbito, Sara Cerdas destacou «a importância da modernização tecnológica e da qualificação dos recursos humanos na diversificação da economia e na criação de emprego», em especial para as pequenas e médias empresas, que representam grande parte do tecido empresarial da nossa Região.

Europeias 2019

A candidata socialista disse que importa trabalhar programas de apoio específicos para pequenas e médias empresas, acrescentando que esta será uma situação à qual irá prestar a devida atenção nos próximos cinco anos. «É importante que os apoios que existem a nível europeu consigam ser captados pelas nossas empresas, de modo a que consigam dinamizar os seus trabalhos», declarou.

Por outro lado, Sara Cerdas apontou também como objetivo trabalhar para desburocratizar o acesso aos fundos e aos programas europeus, até porque esta tem sido uma das queixas que tem recebido, não apenas de empresários, mas também de outras instituições com as quais tem contactado. «Iremos trabalhar para tentar melhorar, otimizar e simplificar este processo», assegurou, acrescentando que defende um “Simplex” a nível europeu «que facilite a acessibilidade aos fundos europeus, aos programas e projetos».

No que diz respeito à visita efetuada, Sara Cerdas destacou o trabalho da empresa J. Nelson Abreu e deu ênfase à «componente de modernização tecnológica, de estar na vanguarda daquelas que são as ferramentas que poderão otimizar e inovar o tecido empresarial, aumentando a produtividade».