Sara Cerdas quer mais acessibilidade dos madeirenses ao ensino superior

A candidata do PS-Madeira ao Parlamento Europeu, Sara Cerdas, reuniu-se com o reitor da Universidade da Madeira (UMa), num encontro que contou igualmente com a presença do candidato à presidência do Governo Regional, Paulo Cafôfo.

Sara Cerdas sublinhou depois o trabalho “extraordinário” que, em seu entender, a UMa tem vindo a desenvolver, inclusive no programa Erasmus, apontando o facto de ter triplicado o número de estudantes enviados para a Europa neste âmbito nos últimos três anos. “Isso é, sem dúvida, uma mais-valia para quem beneficiou deste programa, expandindo os seus horizontes, capacitando-os com outras ferramentas para estarem aptos aos desafios do futuro”, referiu.

A candidata socialista entende porém que há várias coisas a melhorar ao nível do ensino superior, acima de tudo a acessibilidade ao mesmo. Apenas 17 por cento da população da RAM tem o ensino secundário ou superior concluído, pelo que é importante apostar na qualificação e na formação.

Por outro lado, questionada sobre o financiamento das universidades, Sara Cerdas disse que deve existir sempre um investimento no ensino superior.