Artista plástico madeirense integra exposição internacional em Gondomar

Cartaz_Pensamento e Risco (2)O artista plástico madeirense Diogo Goes integra a Exposição internacional de livros de artista / livros-objecto,  intitulada “Pensamento e Risco”, que será inaugurada a 3 de agosto pelas 21.30 horas, na Sala Júlio Resende do Auditório Municipal de Gondomar. Tem a curadoria do pintor e jornalista Agostinho Santos.

Segundo refere uma nota enviada à comunicação social, “esta nova exposição colectiva internacional reúne mais de uma centena de autores, de cerca de uma dezena de países, na qual estarão patentes várias obras de nomes consagrados da arquitetura nacional como Álvaro Siza Vieira, e das artes plásticas, Albuquerque Mendes, Francisco Laranjo, Paulo Neves, Zulmiro de Carvalho e os saudosos José Rodrigues, Nadir Afonso, entre outros, e da literatura, Valter Hugo Mãe”.

Da Madeira, está também representado o trabalho (livro de artista) da arquitecta Lúcia Costa Freitas. Para ver até 15 de Setembro, em Gondomar.

Diogo Goes tem atualmente a decorrer uma exposição individual “Mamã, Eu não quero ser pós-moderno!, na Galeria Marca de Água, sito à Rua da Carreira, no Funchal.