PSD e PS fazem passar a Conta de 2017 em Câmara de Lobos

Câmara de Lobos Assembleia Municipal
PSD e PS fazem passar a Conta de Gerência de 2017em Câmara de Lobos.

Os deputados municipais de Câmara de Lobos, eleitos pelo PPD/PSD e pelo PS, aprovaram a Conta de Gerência referente ao ano 2017. A deliberação foi tomada esta manhã, na sessão da Assembleia Municipal de Câmara de Lobos, que decorreu nos Paços do Concelho.

Na apresentação do documento da Conta de Gerência, o Presidente da Câmara, Pedro Coelho, salientou o facto de a taxa de execução orçamental ter sido a melhor de sempre registada pelo Município, ou seja de 89,3%, representando uma execução orçamental na ordem dos 22,3 milhões de euros, quer ao nível da receita, quer ao nível da receita.

O presidente da edilidade destacou que a dívida municipal a instituições de crédito, a 31 de dezembro de 2017, situava-se nos 6.190.059,14€. Segundo Pedro Coelho, as opções de gestão orçamental do executivo municipal permitiram, em 2017, “uma redução de 1,1 milhões de euros face a 2016. Nos últimos cinco anos o executivo municipal procurou equilibrar as contas do município. Reduzimos da dívida em mais de 50% face a 2012. Libertamos, em 2017, mais de 3 milhões de euros que serão aplicados em investimento público. E melhoramos o rendimento disponível das famílias reduzindo a taxa de IMI e devolução de parte da receita do IRS.”

Na Assembleia Municipal foram ainda aprovadas, por unanimidade, “as propostas de reposição do pagamento do subsídio de insularidade aos trabalhadores do quadro da autarquia de Câmara de Lobos e de contratação de um empréstimo de curto prazo no montante de 1 milhão de euros para fazer face   eventuais constrangimentos de tesouraria que ocorram ao longo do corrente ano 2018, vencendo-se este empréstimo no final do corrente ano”.