Veleiro sem energia solicitou ajuda para entrar na marina nova do Funchal

Segundo uma informação da Capitania do Porto do Funchal, esta entidade, em articulação com o Subcentro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo do Funchal, coordenou hoje uma operação de assistência a um veleiro em dificuldades, o “Astragale”, de 12 metros de comprimento e bandeira norueguesa. Com quatro tripulantes a bordo, o mesmo estava sem energia a bordo, nem propulsão mecânica, e, portanto, encontrava-se impossibilitado de entrar na marina nova do Funchal.

O alerta para esta embarcação ligeira, que se encontrava então a sul da Ponta de São Lourenço, foi dado pelas 08h57 no supracitado Subcentro, que, confirmada a avaria no veleiro, enviou a embarcação salva-vidas ISN-SR40 da Capitania para apoio. Tratando-se de um veleiro, o “Astragale” podia naturalmente navegar sem outra energia que não fosse a eólica, mas, para dar entrada na nova marina, necessitava de apoio.

O veleiro atracou em segurança pelas 13h31 no cais 8 da marina nova do Funchal. Todos os quatro tripulantes noruegueses estavam bem de saúde.