Câmara do Funchal com “Dia da Mulher” até domingo

Mulher Dia CMF 2018 B
A Câmara do Funchal desenvolve iniciativas relacionadas com o Dia da Mulher até ao próximo domingo.

A Câmara Municipal do Funchal deu ontem início ao seu programa de comemorações para assinalar o Dia Internacional da Mulher 2018, e que tem atividades previstas, em colaboração com o Conselho Municipal para a Igualdade, até ao próximo domingo, dia 11 de março. A vereadora Madalena Nunes, que tem o pelouro da Igualdade de Género na Autarquia, abriu ontem à tarde a exposição “Olhar (N)o Feminino”, instalada na Avenida Arriaga (junto à Sé), com um registo fotográfico sobre as mulheres que, ao longo dos tempos, desempenharam papéis relevantes na vida da Região e do País.

A autarca reforça que “este é um dia que continua a ser manifestamente simbólico e cuja importância ninguém deve menosprezar. O atual Executivo, à luz da forma como tem encarado sempre as questões da igualdade de género, faz questão de assinalá-lo com uma semana de atividades que considera de valor acrescentado, a nível lúdico e pedagógico, este ano descentralizadas em vários pontos da cidade, do Paços do Concelho à Universidade da Madeira, da sede de diversas associações parceiras, até às Juntas de Freguesia, aos museus e aos nossos bairros sociais. Este ano resolvemos inovar neste aspeto, confiantes de que a população vai aderir ainda mais, e de que vamos continuar a dar a visibilidade merecida a estas questões.”

No âmbito das comemorações do Dia Internacional da Mulher, a Autarquia levará a efeito, entre os dias 5 e 11 de março, uma dezena de iniciativas, dedicadas à História, à poesia e à arte em geral, entre outros. Já amanhã, quarta-feira, dia 7 de março (19h), terá lugar uma performance na Associação Olho-te (Bairro da Nazaré, São Martinho). Quinta-feira, 8 de março, Dia da Mulher, a União de Mulheres Alternativa e Resposta (UMAR) preparou uma ação de caráter cultural no Jardim Municipal (15h30), ao passo que para o dia 9, sexta-feira, está reservada a maior parte das atividades previstas.

Entre estas, destacam-se a apresentação dos trabalhos vencedores da última edição do Prémio Maria Aurora, na Sala da Assembleia Municipal (10h30) e uma homenagem às mulheres nas artes, marcada para o Museu Henrique e Francisco Franco (18h). Há, finalmente, programa para o fim-de-semana, sublinhando-se, sábado de manhã (9h30), a realização de uma «maratona» na Universidade da Madeira (Campus da Penteada), que vai permitir a inserção na Wikipedia dos nomes e biografias de mulheres relevantes na História da Madeira.

Uma nota da autarquia recorda que “desde que está em funções, o Executivo liderado por Paulo Cafôfo desenvolveu um Plano Municipal para a Igualdade de Género, criou a figura da Conselheira Municipal, um Dia Municipal da Igualdade e, ainda, o Prémio Municipal Maria Aurora, “iniciativas algumas das quais pioneiras na Região e que têm moldado a face do concelho neste capítulo”, enalteceu Madalena Nunes”.