CMF reagiu de imediato e já foi cortar o galho frente à Escola Francisco Franco

Fotos: Luís Rocha

Temos de reconhecer que neste caso, a reacção da autarquia não podia ser mais rápida. Há duas horas atrás o Funchal Notícias publicou um artigo dando conta de um galho de jacarandá que ameaçava cair na Rua João de Deus, sobre a estrada frente à porta principal da Escola Secundária de Francisco Franco. Fizémo-lo por volta das 14 horas; às 16 horas funcionários da Câmara Municipal do Funchal já estavam a cortar o dito ramo, com a ajuda de um camião e de uma grua articulada que possibilita elevar um homem à altura das copas das árvores.

Os trabalhos decorrem neste momento e os funcionários da autarquia eliminaram assim uma situação potencialmente perigosa para os transeuntes e automobilistas que circulam naquela artéria.

O Funchal Notícias congratula-se pelo facto de, neste caso, o seu alerta ter sido de imediato ouvido.

Informámos os funcionários da existência de um jacarandá aparentemente já morto na referida rua. A árvore aparenta estar seca e, embora se encontre vertical e podada, não sabemos se representa algum perigo. Possivelmente não, mas achámos por bem informar os trabalhadores, que nos responderam já ter conhecimento da mesma.