Santa Cruz já tem Forais e Anais publicados

Fotos DR.

Decorreu, esta manhã, a apresentação do livro ‘Documentos históricos de Santa Cruz – Forais e Anais do Município, um trabalho de introdução, transcrição e atualização dos historiadores Bruno Abreu Costa e Filipe dos Santos, numa edição da Casa da Cultura e da Câmara Municipal de Santa Cruz.

É uma publicação que se insere numa política de evocação e celebração através da edição de três documentos históricos relevantes para a história do Município de Santa Cruz, sendo estes os dois forais de 1515 e os anais do Município. A atualização e dos documentos originais para português corrente foi equacionado e levada a cabo para que se atingisse uma maior divulgação e para potenciar o uso dos mesmos em contexto educacional.

No lançamento, o historiador Bruno Abreu Costa defendeu que estas práticas editoriais deviam ser cumpridas por todas as autarquia e juntas de freguesia, porque são a materialização de um conhecimento que ajuda a preservar a memória dos locais. Disse mesmo que numa sociedade em permanente e acelerada mudança a história permanece.

Por sua vez, o historiador Filipe dos Santos relevou a importância destes documentos para o estudo do processo histórico do concelho e para a solidificação cultural de Santa Cruz.

A vereadora Élia Ascensão, com o pelouro da Cultura, sublinhou a importância de aliar as pessoas certas e capazes de concretizar com qualidade  os projetos, destacando o trabalho do professor Emanuel Gaspar, dos historiadores  Bruno Abreu Costa e Filipe dos Santos e ainda do designer gráfico Ricardo Caldeira.

Por fim, o Presidente Filipe Sousa manifestou-se orgulhoso na concretização de um documento histórico de Santa Cruz, que será distribuído gratuitamente para que todos tenham acesso a uma parte importante da memória do concelho.