Raimundo pede à Câmara e GR para gastarem menos em festas e limparem matagal

raimundos ssss
Fotos Raimundo Quintal

Raimundo Quintal alerta as autoridades competentes, nomeadamente a Câmara Municipal do Funchal e Governo Regional, para o estado de abandono que envolve a zona entre a Rua Conde Carvalhal e o Lazareto. Um “cartaz” que se resume, segundo o geólogo madeirense, a “matagal seco entre as casas, ribeira estrangulada e lixo espalhado na paisagem”.

O alerta do conhecido ambientalista é feito através do seu blogue, com fotos bem elucidativas a documentar as palavras e a clamar sobreetudo por uma intervenção do executivo camarário presidido por Paulo Cafôfo, já que  limpeza é uma competência camarária.

raimesO Também ex-vereador do ambeinte na CMF liderada pelo então presidente Miguel Albuquerque, vai mais longe e denuncia: “É tempo de a Câmara Municipal do Funchal e do Governo Regional gastarem menos em festas, abrandarem na propaganda, na anestesia dos cidadãos e trabalharem mais no terreno em prol da paisagem e da qualidade de vida”.

As imagens divulgadas foram registadas por Quintal “no Dia da Cidade, na mesma altura em que decorriam os discursos na grande tenda montada na Praça do Município”.

 

 

 

raimes 2 raimes 3