Um passeio histórico por Corfu

.
FullSizeRender[1]
Panorâmica geral de Corfu. Fotos: Fátima Marques
A viagem à Grécia dos madeirenses prossegue com uma visita hoje à cidade de Corfu. Segundo Fátima Marques, sente-se a crise que os gregos estão a atravessar, embora não façam qualquer referência à situação de Portugal. Críticas sim, ouvem-se em relação à União Europeia.
Também os gregos beneficiaram das verbas atribuídas pela União Europeia, mas nem tudo foi bem aplicado. Nesta matéria, a situação aparenta até ser bem pior que Portugal. As redes viárias são boas, mas Fátima Marques refere que é visível a degradação e há muita carência. No geral, Portugal tem uma situação mais favorável.
FullSizeRenderO dia de hoje foi passado a conhecer a parte velha da cidade de Corfu ou Córcira, uma ilha grega do mar jónico, situada na costa da Albania, separada por estreitos. Segundo a mitologia, Córcira era uma ninfa, filha do deus-io Asopo e de Meteope, filha de Ladão; seus pais tinham dois filho, Pelasgo e Ismeno, e doze filhas. Córcira foi raptada pelo deus do mar Poseidon e levada para uma ilha, que passou a ter o nome de Córcira.
O final desta viagem acontecerá com três dias de visita a Atenas.