Associação Xarabanda organizou conferência no Baltazar Dias

Foto Cláudia Ornelas

No passado dia 19 de julho, a Associação Musical e Cultural Xarabanda (AMCX) apresentou uma conferência intitulada “Danças urbanas europeias do século XIX para cavaquinho (Rio de Janeiro, Brasil) e machete (Madeira, Portugal) ”, no Foyer do Teatro Municipal Baltazar Dias.

Os investigadores Pedro Cantalice, Gilberto Vieira, e o musicólogo Paulo Esteireiro, com o objetivo de apresentar um estudo comparativo de danças da Madeira e do Brasil, estiveram presentes na conferência.

“Danças urbanas europeias do século XIX para cavaquinho (Rio de Janeiro, Brasil) e machete (Madeira, Portugal)” demonstrou a evolução das danças urbanas europeias, valorizando-se os instrumentos esquecidos, procurando novas sonoridades e composições mais ricas e sofisticadas, mantendo a cultura e as raízes tradicionais.

Recorde-se que a Associação Musical e Cultural foi criada em 1981, com o objetivo de promover a tradição musical madeirense. Para além disso, a AMCX é composta por diversos elementos, nomeadamente, Carlos Figueira, Duarte Salgado, Filipa Camacho, Rui Camacho, Roberto Moniz, Roberto Moritz, João Viveiros, Maria João Caíres e Slobodan Sarcevic.