Pedro Coelho apresentou a Pedro Fino a estratégia local de habitação em Câmara de Lobos

O presidente da autarquia de Câmara de Lobos, Pedro Coelho, apresentou hoje a Pedro Fino, secretário regional de Equipamentos e Infraestruturas e a João Pedro Sousa, novo presidente da IHM – Investimentos Habitacionais da Madeira, o documento da Estratégia Local de Habitação do Município. Na ocasião, apresentou também a bolsa de terrenos municipais.

Câmara de Lobos é um dos dois municípios na RAM que elaborou tal documento estratégico que se constitui como um instrumento para a melhoria da qualidade de vida da população, para a qualificação e atractividade do território, assim como para a promoção da sustentabilidade do desenvolvimento urbano, refere uma nota.

Este documento viabiliza a candidatura ao programa 1.º Direito – Programa de Apoio ao Acesso à Habitação e visa ainda a promoção de soluções habitacionais para pessoas que vivem em condições de habitabilidade precárias e/ou não dispõem de capacidade financeira para suportar o custo do acesso a uma habitação adequada.

No decorrer da reunião foram apresentados a Pedro Fino uma série de projectos habitacionais que a autarquia irá desenvolver no âmbito do referido plano e referenciados uma série de terrenos e edifícios do património municipal disponíveis para construção ou reconversão em habitação social a custos controlados.

Pedro Coelho demonstrou a disponibilidade do município para colaborar com a IHM, tutelada pela Secretaria Regional de Equipamentos e Infraestruturas, para a concretização de investimentos habitacionais no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência nas 5 freguesias do concelho, pondo ao dispor da tutela o know-how acumulado a nível do conhecimento da realidade do território e das suas necessidades.

O presidente da autarquia referiu ainda que já apresentou o Plano a empresários do ramo imobiliário com o objectivo de incentivar o investimento na construção a custos controlados no concelho. A construção a custos controlados é tida como uma solução de acesso ao mercado habitacional a famílias que não têm acesso ao mercado tradicional, e como um estímulo ao investimento imobiliário convencional.

A proximidade ao Funchal e as boas acessibilidades, que possibilitam vários acessos à capital, são também mais-valia para fixar as famílias no concelho e para atrair outras de municípios vizinhos.

A estes factores alia-se o facto do PDM ter aumentado os índices de construção nomeadamente nos núcleos urbanos das freguesias de Câmara de Lobos e do Estreito.

Pedro Fino ressalvou a celeridade e qualidade do trabalho do município no desenvolvimento da sua da Estratégia Local de Habitação, deixando o compromisso de apoiar a autarquia, no que for possível, para a concretização dos investimentos habitacionais previstos no documento.