Exposição de Martinho Mendes para visitar até 13 de Agosto

Até o próximo dia 13 de Agosto, a mostra “Espinhos e Acúleos”, de Martinho Mendes, poderá ser visitada, ligando diversas referências e testemunhos vários da cultura material e artística existentes entre dois museus da tutela da Câmara Municipal do Funchal: o Museu Henrique e Francisco Franco (MHFF) e o Museu A Cidade do Açúcar (MACA). Nestes dois núcleos museológicos já foi possível contar com a presença de mais de uma centena de visitantes.

Foi através do ciclo de exposições denominado por “Partilhas Francas” que Martinho Mendes, criador artístico que coordena o serviço educativo do Museu de Arte Sacra do Funchal onde exerce funções técnico-pedagógicas no Serviço Educativo e de programação cultural e curadoria na mesma instituição e Galeria dos Prazeres, apresenta um conjunto de elementos artísticos e documentais que visam valorizar e, ao mesmo tempo, divulgar o património museológico da cidade do Funchal, refere um comunicado.

O ponto de partido adotado por Martinho Mendes foi o de visitar a reserva do MHFF e eleger duas pinturas de Henrique Franco, Bordando no jardim e Jardim, ambas de 1918, que há muito não eram expostas ao público. A partir delas há um trabalho de deslocação e desconstrução permanentes que orienta um conjunto de possibilidades de diálogo/confronto entre os acervos expostos e os objectos que o artista introduz estrategicamente no circuito expositivo dos dois espaços museológicos.

Martinho Mendes nasceu na Madeira em 1981. Formou-se em Artes Plásticas na Universidade da Madeira e é mestre em Educação artística pela Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa. Paralelamente à criação artística, coordena o serviço educativo do Museu de Arte Sacra do Funchal onde exerce funções técnico-pedagógicas no Serviço Educativo e de programação cultural e curadoria na mesma instituição e Galeria dos Prazeres. Realizou várias exposições individuais.