PS-Machico nega acusações “caluniosas” da CDU

No clima pré-autárquicas, os partidos degladiam-se entre si, mesmo na oposição. A concelhia de Machico do PS já veio repudiar as acusações da CDU envolvendo o presidente da Junta de Freguesia de Água de Pena.

Após a reunião do secretariado, ocorrida ontem, os socialistas consideram caluniosas as declarações veiculadas por parte da CDU envolvendo o executivo de Água de Pena. “A concelhia reconhece em Magno Mendonça uma pessoa trabalhadora, séria e honesta”, adianta o PS-Machico e tanto a concelhia como o próprio Magno Mendonça, negam veementemente as declarações vindas a público por parte da CDU.

Os socialistas garantem que a Junta de Freguesia de Água de Pena sempre apoiou e continuará a apoiar todos os fregueses que necessitem de ajuda, independentemente da sua cor política.

E lembram que em 2017, a CDU apenas teve oito votos na freguesia de Água de Pena, sendo que são precisas no mínimo 15 pessoas para formar uma lista candidata à Assembleia de Freguesia.

Face a esta situação, a concelhia do PS de Machico desafia Duarte Martins a repor a verdade, esperando também que a Comissão Nacional de Eleições “faça o que lhe compete e seja apurada a verdade acima de tudo”.