CMF reuniu-se com a Comissão Municipal de Protecção Civil

O presidente da CMF, Miguel Gouveia, reuniu-se nos Paços do Concelho, com a Comissão Municipal de Protecção Civil do Funchal, para analisar e aprovar a 2ª revisão do relatório da Consulta Pública do Plano Municipal de Emergência de Protecção Civil do Funchal (PMEPCF), e do Plano de Emergência Externo da Unidade Autónoma de Gás Natural dos Socorridos (PEExt UAG – Socorridos).

O edil funchalense congratulou todas as entidades que compõem a Comissão “pela forma inexcedível como trabalharam em coordenação e em equipa, naquele que foi um dos momentos altos da cidade do Funchal durante este ano, com a organização das Comemorações do Dia de Portugal, de Camões, e das Comunidades Portuguesas.”

Neste encontro, disse, “foram analisadas as propostas destes dois planos de emergência que estiveram ao longo dos últimos meses em sede de consulta pública. Os relatórios foram aprovados por unanimidade, estando agora estes documentos em condições de serem levados a aprovação em Reunião de Câmara para que, posteriormente, possam entrar em vigor na nossa cidade.”

Na ocasião, foi também abordada a evolução da situação epidemiológica no concelho, e ainda o Programa Operacional de Combate a Incêndios Florestais (POCIF), isto numa semana em que as temperaturas na Região estão elevadas o que favorece o aumento do risco de incêndios.

O autarca acrescentou que para além do trabalho das entidades competentes, “é necessário deixar uma chamada de atenção a todos os cidadãos para que cumpram com aquelas que são as recomendações da Protecção Civil e as medidas preventivas no combate e prevenção dos incêndios florestais, evitando, por exemplo, queimadas não autorizadas, seja durante o dia ou durante a noite.”

Miguel Gouveia deixou, por fim, um agradecimento da CMF “a todas as entidades que, diariamente, colaboram e trabalham para que o Funchal seja uma cidade mais segura, e onde a cultura de prevenção e de segurança já é uma realidade.”