CMF atribui 30 mil euros à associação “Dançando com a Diferença”

O edil funchalense, Miguel Gouveia, assinou, esta tarde, em São Martinho, o protocolo relativo ao apoio anual da edilidade à Associação dos Amigos da Arte Inclusiva – Grupo Dançando com a Diferença, representado na ocasião pelo Director Artístico, Henrique Amoedo.

A CMF apoiará o grupo em cerca de 30 mil euros. Miguel Gouveia referiu, a propósito, que “este apoio da autarquia visa sustentar toda a actividade anual do Dançando com a Diferença, e a estrutura deste grupo que tem feito efectivamente a diferença, realizando diversas actividades de cariz inclusivo e que com todo o seu trabalho tem alcançado reconhecimento e prestígio a nível nacional e internacional.”

Além deste apoio ao abrigo do programa de apoios financeiros ao associativismo cultural e a actividades culturais de interesse municipal, a Câmara Municipal do Funchal cede o Ginásio de São Martinho há vários anos para as actividades do grupo Dançando com a Diferença, comprando também diversos espetáculos para apresentação nas temporadas artísticas do Teatro Municipal Baltazar Dias o que constitui, igualmente, uma das fontes de receita do grupo.

A Associação dos Amigos da Arte da Arte Inclusiva – Dançando com a Diferença foi criada em Maio de 2007, para gerar um estatuto jurídico do projecto Dançando com a Diferença, que já se desenvolvia desde o ano de 2001. O projecto nasceu com o objectivo de promover e utilizar as diferentes linguagens artísticas como elemento de inclusão social de pessoas com deficiência e outras. As actividades do grupo centram-se no âmbito artístico, educacional, terapêutico e de apoio a processos terapêuticos.