CDU denuncia problemas de água de rega em Santa Cruz

A CDU levou hoje a cabo uma acção política para abordar o problema da água de rega, no sítio da Lombada, no entroncamento entre o caminho das Regadinhas e o caminho da Palmeira, junto à paragem de autocarros, na freguesia de Santa Cruz.

António Jardim, dirigente da CDU, alertou para “graves problemas” em relação à carência de água de rega.

No sítio do Salão, Lombada, Palmeira e Regadinhas, os regantes queixam-se da falta de água para regar os seus terrenos agrícolas.

“Esta situação é de extrema preocupação, pois os agricultores têm dificuldades de produção, devido aos terrenos secos e à falta de água que existe nestas localidades das zonas altas da freguesia de Santa Cruz”, disse.

“A água que chega a estes regantes é proveniente da “Levada dos Tornos” comumente conhecida como “Levada Grande”; esta levada transporta água às populações de Gaula e quando chega às zonas altas de Santa Cruz já vem sem força e quase sem caudal nenhum”, denunciou.

“A levada que distribuía a água de rega pelas zonas altas de Santa Cruz, era a “levada da Roda”, que em 2017 com uma grande derrocada a água foi desviada para outro lado e não chega às populações do Salão, Lombada, Palmeira e Regadinhas”, explica António Jardim.

Assim sendo, é fundamental que a Câmara Municipal de Santa Cruz em articulação com o Governo Regional, mais especificamente com a Águas e Resíduos da Madeira, possam rapidamente resolver esta situação, “deveras danosa para os agricultores que regam os seus terrenos agrícolas nas zonas altas de Santa Cruz.”