CDU insiste na reabertura de estações dos CTT na Madeira

A CDU realizou domingo, no Caniçal, uma iniciativa política regional destinada a reivindicar a reabertura de Estações dos CTT. Edgar Silva declarou, na oportunidade, que “tal como já está acontecer no resto do País onde estão a ser reabertas Estações dos CTT – só nestes primeiros dias de Janeiro de 2020 foram oficialmente reabertas três Estações dos CTT – também é justo estender à Madeira essa mesma orientação. E um dos primeiros lugares em que se justifica amplamente a imediata reabertura da Estação dos CTT é no Caniçal, pois existe um edifício construído de raiz para funcionamento dos CTT e existe um numerosa população e uma vasta área de serviços que reclama por uma outra qualificada resposta do serviço dos CTT”.

A CDU insiste na necessidade de os governantes corresponderem às demandas das populações e ao direito das populações aos serviços públicos.

O coordenador regional da CDU disse que “é preciso criar um movimento de pressão política para obrigar os governantes e o Conselho de Administração dos CTT à reversão do serviço dos CTT desactivados na Região. Daí que se exija a elaboração de um Plano com a definição para a Madeira das Estações dos CTT que deverão ser reabertas e a sua programação no tempo, com um calendário objectivo e rigoroso, para onde se justifique a reversão para as populações do serviço público entretanto desactivado”.