Susana Prada visita amanhã trabalhos da rede viária florestal na Santa do Porto Moniz

A secretária regional do Ambiente e Recursos Naturais visita amanhã, dia 10 de Julho, às 11h00, na Santa do Porto Moniz, o início dos trabalhos de da rede viária florestal na RAM.

Os espaços florestais compreendem um conjunto de infraestruturas que permitem a sua correcta gestão. Estas infraestruturas têm fins múltiplos, possibilitando não só as operações de exploração florestal, como também a conservação da natureza, a sua utilização para actividades de recreio e a realização de acções de vigilância e de combate a incêndios, refere um comunicado da SRARN.

As infraestruturas regionais afectas aos espaços florestais, que maior impacto apresentam na gestão e conservação dos mesmos, são a rede viária florestal, os pontos de água, os postos florestais e as torres de vigilância.

Esta intervenção visa proteger pessoas e bens através da diminuição do grau de dificuldade de extinção que um incêndio poderá oferecer aos meios de combate; promover uma melhor gestão dos espaços florestais, através da redução da carga de combustível; facilitar o acesso da população local “à serra”, a fim da mesma poder recolher matéria-prima, nomeadamente feiteira para produção de adubo e lenha para consumo próprio (actividades historicamente associadas aos hábitos da população local).

Além das evidentes vantagens que uma rede viária florestal bem estruturada acrescenta ao combate a incêndios florestais, é claro que a melhoria das acessibilidades ao terreno maximiza e optimiza todas e quaisquer operações de cariz silvícola que se pretendam efetuar nas diversas estações florestais abrangidas pela rede viária, refere a nota de imprensa.