Governo dá quase 80 mil euros para a Casa do Povo de Santo António e 20 mil para o TEF

Pedro Ramos Conselho
Pedro Ramos, o secretário regional da Saúde, foi hoje o porta voz das deliberações do Conselho de Governo Regional.

Perto de 80 mil euros para a Casa do Povo de Santo António e 20 mil euros para o TEF, são duas das deliberações do Governo Regional, hoje reunido em plenário na Quinta Vigia. Foram deliberados dois contratos programa para o efeito.

O objetivo do contrato com a associação Teatro Experimental do Funchal, tem em vista assegurar o normal funcionamento desta associação no ano de 2019. No âmbito deste contrato-programa, será concedida à referida Associação uma comparticipação financeira que não excederá os €20.000,00 (vinte mil euros). Outro contrato-programa foi decidido celebrar com a Casa do Povo de Santo António, atribuindo, para o efeito, um apoio financeiro até ao montante máximo de 79.100,00 € (setenta e nove mil e cem euros), tendo em vista assegurar a prossecução de eventos socioculturais.

O Conselho do Governo Regional decidiu autorizar a aquisição de duas parcelas pelo valor global de 8.210 euros, referentes à reconstrução da ER 102 (troço entre Camacha e Santo da Serra) e à segunda fase da canalização do ribeiro da Corujeira (Monte).

Neste plenário de governo, foi aprovado um voto de pesar pelo falecimento de Sérgio Silva, sócio-gerente da Sociedade dos Engenhos da Calheta. “O Governo Regional e o seu Presidente vêm testemunhar o seu mais profundo pesar pela morte, ocorrida hoje, de Sérgio Silva, empresário de créditos reconhecidos, não só no seu concelho natal, a Calheta, como em toda a Região. Sérgio Silva foi ainda atleta, treinador e dirigente do Clube Desportivo Nacional, onde desempenhou funções de relevo”.