Ministro anuncia a construção de cinco novos hospitais entre eles o da Madeira

hospital aMário Centeno reforçou, hoje, durante a apresentação do Orçamento de Estado para 2019, ontem entregue ao presidente da Assembleia da República, que o Governo aposta no reforço das verbas para a Saúde, referindo que, no total da Legislatura, haverá mais 1200 milhões de euros no setor.

Além disso, o ministro das Finanças anunciou a construção de cinco novos hospitais, em Évora, Lisboa Oriental, Seixal, Sintra e o novo Hospital da Madeira, este último a gerar, nos últimos dias, uma onda de descontentamento junto das autoridades regionais em função da diferença de contas entre a Região e a República.

De facto, apesar deste anúncio, a tensão aumenta entre governos, regional e nacional, uma vez que a resolução para o novo hospital contempla 96,2 milhões de euros, o que nem chega aos 50% prometidos por António Costa como contributo do estado no total do valor de construção.

É nesse sentido que o vice presidente do Governo já se encontra em Lisboa, para reunir com o secretário de Estado das Finanças, no sentido de aclarar o que realmente se passa com as verbas consagradas para o novo Hospital, na esperança que esse montante vá ao encontro das promessas do primeiro ministro, mesmo que não chegue precisamente aos 50% do total. A Região pretende, no mínimo, que chege aos 132 milhões, mas no limite, se vierem os 96 milhões já com o IVA incluído, é melhor do que nada.

Em matéria de outras definições relativamente à Madeira, sabe-se que a taxa de juros da dívida da Região vai baixar.