JP critica Rua João de Deus com uma só faixa de rodagem

rua joão de deus_LI
Uma só faixa de rodagem traz constrangimentos aos estudantes da “Francisco Franco”.

A Juventude Popular Funchal, estrutura jovem do CDS Madeira, manifestou-se hoje, em comunicado, contra a existência de uma só faixa de rodagem na Rua João de Deus, sublinhando os constrangimentos daí decorrentes para os estudantes da Escola Secundária Francisco Franco, já visível no primeiro dia de aulas.

De acordo com Pedro Pereira, presidente da JP Funchal, numa fase em que se inicia o novo ano lectivo “esta decisão criará constrangimentos acrescidos aos jovens estudantes e suas famílias e mesmo entendendo a conveniência que o estacionamento agora criado possa ter para a nova unidade hoteleira da zona, a JP Funchal não pode aceitar que os estudantes sejam tratados como uma questão de menor relevância! Uma sociedade que não acarinha os seus jovens e estudantes com tudo quanto possível é uma sociedade sem grande futuro! Nós continuamos a defender uma cidade para todos e não dependente de interesses de terceiros e dessa forma acreditamos que alterações desta natureza merecem mais ponderação no seu processo de decisão.”.

A JP Funchal estranha a quantidade de casos que se tornaram públicos na relação entre a Câmara Municipal do Funchal e a remodelação desta unidade hoteleira e garante que “lutará contra quaisquer interesses económicos e políticos sempre que estes ponham em causa a dignidade dos estudantes e jovens do concelho”.