Raimundo Quintal questiona “trapalhada” na Estrada Monumental

Fotos facebook, Raimundo Quintal.

O ambientalista Raimundo Quintal passou pela Estrada Monumental e depatouy-se com uma estrutura sobre um jardim público municipal.

Vai daí, questionou quem de direito nestes termos:

“Fugi ao carnaval trapalhão e fui andar a pé na zona onde nasci e passei a minha juventude.
Infelizmente há muito que deixei de ter ilusões sobre a qualidade urbana da chamada zona turística. Consolo-me com a silhueta do ilhéu do Gorgulho, com o perfil da linha da costa e com algumas plantas que teimam em viver mesmo sem os merecidos cuidados humanos.
Mas, quando pensava que tinham esgotado as ideias para estragar com o ambiente do meu querido Lido, eis que dei de caras com uma nova aberração. Uma esplanada suspensa a sul da Estrada Monumental com pilares de ferro afincados num jardim municipal.
Esta trapalhada é clandestina ou foi aprovada pela Câmara Municipal do Funchal?
Eu e os outros pagadores de IMI temos direito a uma explicação.
Ficamos a aguardar pela demolição ou, quem sabe, por perseguição.”