Barreto diz que Cafôfo não acionou os seguros para proteger as vítimas da tragédia do Monte

Rui Barreto
Rui Barreto questionou Cafôfo sobre os seguros resultantes da tragédia do Monte.

O vereador do CDS-PP na Câmara Municipal do Funchal confirmou na reunião da vereação desta quinta-feira que o presidente da autarquia Paulo Cafôfo esqueceu-se de acionar a apólice do seguro de responsabilidade civil para proteger as vítimas da tragédia do arraial do Monte, nomeadamente pagamento de indemnizações, cobrir despesas com internamentos e cuidados de saúde.

“No período de antes da ordem do dia, Rui Barreto perguntou directamente ao presidente da autarquia se tinha acionado o seguro e considerou lamentável a resposta de Paulo Cafôfo, que confirmou não o ter feito, porque em seu entender só deverá fazer se as vítimas pedirem. Ora, o entendimento do vereador do CDS é o de que deveria ter feito logo depois do sinistro, precisamente para proteger os direitos das vítimas.