Câmara de Santa Cruz ofereceu 9 camas articuladas ao Refúgio São Vicente de Paulo, em Gaula

O presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz, Filipe Sousa, visitou ontem o lar de Idosos do Refúgio Sâo Vicente de Paulo, em Gaula, local onde efectuou a entrega de nove camas articuladas para os novos quartos que aquela instituição construiu, por forma a corresponder à nova legislação em termos de segurança.
Filipe Sousa declarou na ocasião que esta era uma prenda de Natal que tem um sentido especial pela admiração que nutre pelo trabalho social meritório que é desenvolvido pelo Refúgio São Vicente de Paulo, e é também uma forma da autarquia contribuir para o apoio aos idosos.
O edil santacruzense frisou ainda, na oportunidade, que esta medida insere-se no grande reforço na área social que está vertido no Orçamento para 2018, o qual atinge um milhão e meio de euros. Um investimento que vai abranger uma série de iniciativas no âmbito do Fundo Social de Emergência, Bolsas de Estudos, Manuais Escolares e no apoio à aquisição de medicamentos. Paralelamente a Câmara optou por manter os impostos no mínimo, que representa um apoio indirecto em dois milhões e meio de euros.
As nove camas articuladas que foram entregues ao Refúgio São Vicente de Paulo representaram um investimento camarário a rondar os 10 mil euros, afirma a edilidade.
Um investimento que foi, no momento, destacado pelo Padre Gil Pereira, que salientou a circunstância de esta ser uma prestimosa ajuda da autarquia, que permitirá mobilar um dos andares da nova ala daquela instituição. Uma ajuda que vai permitir que verbas próprias sejam canalizadas para outras necessidades.