MSC Cruzeiros celebra fase final de construção do navio MSC Seaview para navegar ainda em 2017

O novo exemplar da frota MSC Cruzeiros.

A MSC Cruzeiros e a Fincatieri, herdeira da grande tradição de construção naval italiana e um dos maiores grupos de construção naval no mundo, celebraram hoje o float out do novo navio MSC Seaview. A cerimónia decorreu no estaleiro de Monfalcone, em Itália, onde o navio está a ser construído.

O Float Out é um marco fundamental na construção de um navio, pois é o momento em que a doca seca é inundada e o navio é movido para uma doca molhada, onde entrará na sua fase final de construção. O exterior do navio já se encontra completo e os trabalhos continuarão para completar o interior do navio, equipamentos e instalações.

A tradição de assinalar o Float out, entre armador e construtor.

Segundo uma nota enviada à comunicação social, o MSC Seaview é segundo navio da geração Seaside da MSC Cruzeiros, inspirado num protótipo altamente inovador criado para aproximar os hóspedes do mar como nunca antes e adequado a climas quentes para uma melhor experiência de cruzeiro única ao sol e no mar. O navio será entregue em Junho de 2018, apenas seis meses após o MSC Seaside começar a navegar em Dezembro de 2017, realizando a sua primeira Grand Voyage de Trieste, Itália, para Miami, EUA, no dia 1 de Dezembro deste ano.

O MSC Seaview estará a realizar a sua temporada inaugural no Verão 2018 pelo Mediterrâneo, oferecendo aos turistas a oportunidade de conhecerem as pérolas da região a bordo de um navio de cruzeiro como nunca. Os hóspedes terão a possibilidade de descobrir sete portos diferentes, de quatro países, e tudo sem terem de desfazer a mala – Génova, Nápoles, Messina, Valetta, Barcelona e Marselha.

Após a sua temporada inaugural, o navio seguirá o sol até ao Brasil e ao hemisfério Sul para a temporada de inverno 2018-2019, disponibilizando um itinerário com escalas em Santos, Ilha Grande, Búzios, Porto Belo e Camboriú.

Pierfrancesco Vago, Executive Chairman da MSC Cruises, afirmou que “o float out do MSC Seaview representa mais um marco importante na expansão da nossa frota. Este navio faz parte de um plano de investimento a dez anos que até 2020 permitirá a entrega de seis novos navios.”

Por seu turno, Giuseppe Bono, CEO da Fincantieri, declarou que “o MSC Seaview é um desafio que a Fincantieri se orgulha de realizar com sucesso, como ficou demonstrado no grande marco alcançado hoje. É um navio espctacular, o segundo de uma nova geração que está a testar todas as nossas melhores capacidades técnicas e de coordenação, considerando que este float out acontece a menos de nove meses de distância da entrega do protótipo que inicia esta nova classe de navios, o MSC Seaside. Este dois magníficos navios exigem um verdadeiro esforço e o nosso Grupo vai entregá-los de modo a atender às altas expectativas do armador no que respeita à credibilidade e à qualidade de produto.”

Com 323 metros de comprimento e uma tonelagem bruta de 154,000 toneladas, o navio terá uma capacidade máxima para 5,179 passageiros. O MSC Seaview é o segundo de dois navios idênticos da classe Seaside. O seu navio irmão – o MSC Seaside – será entregue no final de Novembro deste ano.

O MSC Seaview será o terceiro navio de próxima geração a ser entregue em apenas 12 meses, seguindo o MSC Meraviglia (Junho de 2017) e o MSC Seaside (Dezembro de 2017).