Candidato do CDS-Porto Santo critica Idalino Vasconcelos e RTP-M

O presidente da concelhia do CD- PP Porto Santo e cabeça de lista para a Câmara Municipal do Porto Santo em Outubro próximo, João Rodrigues, considera que candidato do PSD-Madeira, Idalino Vasconcelos, perdeu hoje uma oportunidade de mostrar que efectivamente quer defender o Porto Santo.

“Como presidente da concelhia do CDS-PP no Porto Santo, insistimos que o debate das Autárquicas 2017 sobre o Porto Santo marcado para ser gravado no próximo dia 17 de Agosto às 15 horas e promovido pela RTP- Madeira, deve ser realizado na ilha do Porto Santo com a participação da população e publico na assistência, e não na Madeira, como a direcção de programas da RTP-Madeira  pretende e está a impor de forma ditatorial aos candidatos”, refere.

O CDS-PP Porto Santo diz ter confrontado o candidato do PSD pelo Porto Santo, Idalino Vasconcelos, que numa primeira fase mostrou-se receptivo a que o debate fosse realizado no Porto Santo, mas no entanto informou não poder decidir sem consultar o presidente da concelhia, Bernardo Caldeira, pois apesar de ser candidato à Câmara, não tem autonomia para tal decisão.

“Hoje fomos confrontados com a cambalhota do candidato do PSD que decidiu aceitar que o debate seja realizado na Madeira, porque considera melhor que o debate não tenha público na assistência” refere João Rodrigues.
“Perante esta inacreditável tomada de posição do candidato do PSD, consideramos que primeiro está o Porto Santo e só depois vêm os partidos e que deveria ser respeitada a vontade da maioria das candidatos que considera que o debate deve ser realizado no Porto Santo”.