Militantes do PSD tomam conta da Herdade do Chão da Lagoa e já fazem a festa ao som das Doce

A festa do PSD/M no Chão da Lagoa já está aquecer com a chegada de centenas e centenas de militantes à Herdade do Chão da Lagoa.

O dia amanheceu frio, com chuviscos e nevoeiro. Os militantes já sabem de cor, como diria Paulo Gonzo, que a manhã acorda sempre fria na Herdade mas o sol depois toma conta do espaço. Nem por isso, os militantes perdem o espírito da festa, à medida que vão chegando os autocarros lotados de gente.

O grupo da comissão política de freguesia de Santo António, uma das maiores freguesias da Madeira, já está a fazer a festa. E lá se ouvem os acordes das Doce, “vamos acordar/ e ficar a ouvir…”

São aguardadas milhares de pessoas na Herdade do Chão da Lagoa, tendo o staff da organização falado em 25 mil pessoas para a diversão, para os discursos políticos, para ouvir a Fafá de Belém e alguns para verem e serem vistos, porque as eleições autárquicas são já a 1 de outubro.

Tudo a postos para receber Miguel Albuquerque e o líder nacional Pedro Passos Coelho para o “rali” às barracas. E a festa ainda só agora começou.