Iniciativa procura desmistificar o cancro e os medos das pessoas acerca da doença

A ‘iniciativa ‘Cancro sobre rodas’ volta à rua para a sua 18ª edição, desta vez na Universidade Sénior de Câmara de Lobos, no dia 21 de Junho de 2017, pelas 15 horas, refere um comunicado.

O projecto ‘Cancro Sobre Rodas’ visa sensibilizar para o facto de o cancro não ser sinal de morte, uma vez que, com uma boa prevenção, alimentação saudável, exercício físico, e outros tipos de cuidados, é possível afastar a doença. Nesse sentido, sob forma de “conversas soltas” entre médicos, enfermeiros e assistência, são transmitidos conhecimentos sobre as formas de adoptar um estilo de vida saudável, sobre a doença e a sua prevenção e como conviver com ela.

Com esta iniciativa, o Núcleo Regional da Madeira da Liga Portuguesa Contra o Cancro pretende percorrer todos os concelhos, na Madeira e Porto Santo, “espalhando aos quatro ventos que não há que ter medo do Cancro e muito menos da própria palavra”.

A opção pelas “conversas soltas” tem por propósito incitar a um diálogo que se quer profícuo, mas simples e informal, entre os orientadores das conversas e os assistentes, por forma a ser transmitida uma informação útil e um esclarecimento eficaz sobre toda esta matéria, refere nota de imprensa.

A equipa conta com a presença de um médico, de um psicólogo, de enfermeiros e de voluntários interessados nesta participação, com vontade de dar o seu testemunho, sempre pela positiva, de lutador, vencedor, familiar/pessoa significativa de um doente.

Para além disso, há o testemunho de um/a “Lutador(a)/“Vencedor/a”, e “Histórias de Arrepiar, Histórias de Encantar”, tentando dar vida a um sonho de Ana Azinhais.